Pular para o conteúdo principal

Postagens

Featured Post

Hereditário não é O Exorcista da nova geração, mas é muito bom mesmo!

O novo filme de terror que dizem ser O Exorcista da nova geração, assusta, mas não supera o clássico de 1973. O filme vai lembrar bastante A Bruxa, adorado pela crítica, odiado pela maioria do público. O filme tem um ritmo lento, sem pressa de mostrar o verdadeiro horror, deixando o público tenso, desconfortável, curioso e com medo do que está por vir.



O diretor Ari Aster consegue construir o terror através da atmosfera e dos acontecimentos que ocorrem com os personagens, sem apelar para o jump scare, ele usa referências de outros filmes do gênero como, o próprio O Exorcista, A Chave Mestra, sabendo sempre como executá-los sem parecer cópia do mesmo, uma dessas referências é do filme O Bebê de Rosemary, onde ele usa o elemento da desconfiança, o público sabe que está acontecendo algo estranho, mas não sabe o que é, e por que isso está acontecendo, e isso faz com que o público fique cada vez mais desesperado, com medo de saber a resposta.



O roteiro tem um ótimo trabalho de mise en …

Últimas postagens

Sol da Meia-Noite (de Scott Speer): uma clássica história de amor

No Olho do Furacão, um filme de terror... digo, de ação, de Rob Cohen (Diretor de Velozes e Furiosos... era de se esperar)

Desencavei: Dissecando Kill Bill 1 & 2

O Homem de Giz, de C. J. Tudor (Editora Intrínseca)

Festival Varilux: Primavera em Casablanca (de Nabil Ayouch)

Festival Varilux de Cinema Francês: Começou!